Como ler:

Abertura


Cronologia da Crise:

anterior | próxima

10
23/05/2005

O governo alega excesso de arrecadação para anunciar aumento de R$ 773 milhões nos gastos da União. E faz chegar aos ouvidos dos parlamentares, com esperteza, a promessa: R$ 200 milhões vão para emendas ao orçamento. Para beneficiar, claro, as bases eleitorais de deputados e senadores. Recado mais direto, impossível: haverá recursos, mas apenas para aqueles cujos nomes estiverem fora do requerimento de criação da CPI.

O STF (Supremo Tribunal Federal) determina a abertura de inquérito criminal para investigar o ministro da Previdência Social, Romero Jucá (PMDB-RR). Ele é suspeito de fazer uso irregular de empréstimos do Basa (Banco da Amazônia) ao abatedouro de frangos Frangonorte. Jucá foi um dos proprietários do frigorífico.

Uma auditoria realizada em fevereiro de 1996, dois meses após a liberação do empréstimo de R$ 750 mil, constatou que a Frangonorte continuava paralisada. O jornal Folha de S.Paulo denuncia: Jucá contraiu uma dívida de R$ 25 milhões no Basa. O ministro obteve empréstimos dando como garantia sete fazendas que não existiam. Fazendas fantasmas.

anterior | próxima | início